Endereço:

Av. Ephigênio Salles, 1299 - Aleixo

Manaus/AM CEP: 69060-020

Brasil

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Black YouTube Icon

7 razões para ler “A Cor Púrpura” de Alice Walker

February 9, 2018

Olá, Manas! Hoje a autora do livro escolhido para a leitura do Clube das Manas de fevereiro, a brilhante Alice Walker, faz 74 anos! Vamos falar um pouco sobre a sua vida e comentar a sua obra-prima?

 

 

Filha mais nova de um casal de de agricultores, Alice Walker perdeu a visão de um dos olhos aos 8 anos de idade, em um acidente. Na sua infância, as leis Jim Crow estavam em vigor e os donos das terras onde os pais de Alice trabalhavam os instigavam para mandarem os filhos para o trabalho na roça, mas os Walker resistiram. Alice e todos os seus irmãos aprenderam a ler e a escrever.

 

Graças à sua dedicação, Alice Walker conseguiu sucessivas bolsas de estudo, graduando-se em artes pelo Sarah Lawrence College em 1965. A autora publicou a sua primeira obra, Once, três anos depois. A obra foi inspirada pela experiência de um aborto realizado por Alice no seu penúltimo ano de faculdade.

 

Foi durante a faculdade que a autora se interessou pelo feminismo negro, tendo participado de campanhas, passeatas e ministrado cursos a respeito do tema em universidades. A autora teve contato com grandes personagens do movimento negro, como Martin Luther King Jr.

 

Walker também é a responsável por cunhar o termo “mulherismo” que apareceu pela primeira vez em seu livro In Search of Our Mothers’ Gardens: Womanist Prose, no qual ela atribui a origem da palavra à expressão da comunidade negra de mães para as meninas, indicando que, se “você está agindo como mulher”, você está realizando um comportamento audacioso, corajoso, voluntarioso.

 

No âmbito pessoal, Walker foi casada por nove anos com o advogado Melvyn Leventhal, com quem teve a filha Rebecca. O casal se divorciou em 1976. Por volta dos anos 90, a autora conheceu a cantora Tracy Chapman através da sua filha e ambas tiveram um breve envolvimento amoroso.

 

Você conhece a cantora Tracy Chapman? Se não conhece, pare um minutinho para ouvir uma das músicas mais famosas dessa artista sensacional!

 

Atualmente, a autora Alice Walker dirige a sua própria editora de livros e trabalha com ativismo social.

 

 

 

Sobre o livro:

 

1. A Cor Púrpura, escrito por uma mulher negra e militante feminista, foi publicado em 1982, ganhou o prêmio Pulitzer em 1983 e o American Book Award;

 

2. É uma história de mulheres fortes;

 

 

3. É um romance epistolar, ou seja, a história é desenvolvida através de cartas;

 

4. Ícone da literatura, conhecido como uma obra sobre temas como violência sexual, preconceito racial e de gênero e relações lésbicas;

 

 

5. Foi um dos livros escolhidos para ser debatido no clube do livro feminista da Emma Watson;

 

6. Adaptado para o cinema em 1985, foi dirigido por Steven Spielberg, recebendo 11 indicações ao Oscar (incluindo melhor filme, melhor atriz para Whoopi Goldberg e melhor atriz coadjuvante para Margaret Avery e Oprah Winfrey);

 

 

7. Em seu romance “Possessing the Secret of Joy” (1992), Alice Walker retoma alguns personagens de “A cor púrpura”.

 

 

E aí, Manas?! Já estão lendo o livro? Ficaram interessadas? Lembrem que o nosso próximo encontro será dia 28 de fevereiro, às 19h, na Livraria Leitura do Amazonas Shopping <3

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

posts recentes.

May 9, 2018

Please reload

arquivo.
Please reload

tags.
siga a gente.
  • Facebook Basic Square
  • Instagram Social Icon